2.medicina-integrativa-tratamento-cancer.jpg

Conheça a medicina integrativa e como ela pode te ajudar no tratamento do câncer

A medicina integrativa é focada no ser humano como um todo, não só nos sintomas ou na doença, e contempla tratamentos terapêuticos como acupuntura, massagem, meditação, Tai Chi e ioga

2.medicina-integrativa-tratamento-cancer.jpg

A medicina integrativa é focada no ser humano como um todo, não só nos sintomas ou na doença, e contempla tratamentos terapêuticos como acupuntura, massagem, meditação, Tai Chi e ioga [1]. A medicina integrativa aplicada ao câncer é chamada de oncologia integrativa. O objetivo é aliviar a dor, minimizar efeitos adversos do tratamento contra o câncer, bem como reduzir a ansiedade e o estresse. Benefícios têm sido comprovados por evidências científicas, de forma a auxiliar no aumento da qualidade de vida, melhorando o bem-estar. Destaca-se que o objetivo não é substituir o tratamento, e sim ser uma prática auxiliar [3]. De modo geral, os benefícios citados pelos pacientes que fizeram uso de práticas da medicina integrativa foram:

Apoio para vida diária [3];

Obtenção de uma perspectiva positiva [3];

Capacidade de assumir um papel proativo em seus cuidados de saúde e bem-estar [3].

Alguns hospitais já implementaram as práticas da medicina integrativa para pacientes com câncer. As técnicas corporais não são invasivas e também são adaptadas às necessidades e limitações de cada paciente [4]. Caso tenha interesse, procure um local mais próximo e experimente!

Referências:

[1] Integrative Medicine. Memorial Sloan Kettering Cancer Center. 2017.
[2] The University of Texas. MD Anderson Cancer Center. Inside Integrative Medicine. 2016.
[3] Frenkel, Moshe, et al. "Integrative medicine consultation service in a comprehensive cancer center: findings and outcomes." Integrative Cancer Therapies 9.3 (2010): 276-283.
[4] Hospital Albert Einstein. Oncologia. Medicina Integrativa. 2017.

LEIA TAMBÉM

Qual é a ligação entre diabetes e o câncer?

Diabetes e câncer costumam aparecer juntos com mais frequência do que o esperado, mas os estudiosos ainda não chegaram ao consenso de que as duas doenças estão ligadas de forma direta.

Ver mais

Chá e câncer: como a bebida pode auxiliar no tratamento da doença

Beber chá é uma tradição antiga que remonta 5.000 anos na China e na Índia.

Ver mais

Como o brócolis pode ajudar a prevenir o câncer

Comer brócolis, repolho, couve ou outros vegetais crucíferos com frequência pode reduzir significativamente o risco de vários tipos de câncer.

Ver mais